terça-feira, 24 de julho de 2007

Porto Bike Tour


Este Domingo passado fui para um sítio conhecido fazer algo nunca antes feito. Fui com 6000 pessoas fazer um passeio de bicicleta. É claro que isto seria muito banal, não fosse as 6000 pessoas e o trajecto que se fez. Graças a uma muito boa organização passamos a ponde da Arrábida e descemos toda a avenida da boavista de buga. Foram 9km a andar em ritmo de passeio e bem acompanhado.
E não fui sozinho. Como não podia deixar de ser fui com companhia, desta feita com malta lá do trabalho, a Isabel e o Rui. Duas pessoas bem dispostas que ajudaram a dar cor ao passeio.
Mas falando do passeio pode-se dizer que foi mais o tempo de espera que a actividade em si. O dia começou muito cedo, pelas 7:30 da manhã (e isto num Domingo). Deslocamo-nos para o Castelo do Queijo (o final da prova), e ai apanhamos uma camioneta para a ponte da arrábida (local onde começamos a pedalar).
No dia anterior já tinhamos ido buscar algum material, como uma t-shirt e o capacete. No dia ainda nos deram uma mochila (com os famosos camel bak) que continha algum sustento para a viagem. Chegados à ponte tinhamos inumeras biclas à espera de serem apropriadas e não fomos pecos e tratamos logo disso.
Depois de todo este processo ainda esperamos mais certa de 1 hora até começarmos a andar. No entantado depois das primeiras pedaladas rapidamente chegamos de novo ao castelo.
Mas como a hora era tudo menos tardia e a boca carecia de algo doce, fomos comer um gelado que nos restaurasse algumas forças.
E como a família já estava à espera para iniciar o almoço, porque afinal já era hora disso, retornamos às boxes com o sentimento de dever cumprido. (e com mais uma bicicleta debaixo do braço).

This last Sunday I went to a know place do something never before done. With me there where 6000 people to enjoy a bicicle ride. Of course this would be a common activity, if you take out of the equation the 6000 people and the route we made. Thanks to a very good organization we crossed the Arrábida bridge and went down the boavista avenue on our bicicles. All in all, it was 9 km with good company and sightseeing speed.
I wasn't alone. It's more than obvious I had to take someone. This time some work colleges made my day, Isabel and Rui. Two very positive thinking people that helped give some colour to the stroll.
But refering the ride itself I can say that more time was lost wating to pedal than the pedeling itself. The day started really early around 7:30 in the morning (and this on a Sunday). We went to the "Castelo do Queijo" (the end of the course), and there we went by bus to the Arrabida bridge (the begining of the course).
On the previous day we went to get some gearm like a t-shirt and the helmet. On the day they gave us a backpack (with the famous camel bak) that had some substanaice for the ride. On arrival at the bridge we had numerous bicicles waiting fo us and soon enough we were on topof them ready to choose our vitims.
After all this process we still waited for more than an hour before we gave our legs some work. Even tough after the first pededing we quickly arrived at our destination.
In the end, as the hour was anything but late, and because our taste qasn't sweet we went for an icecream that would gave us some energy.
And as my family was waiting for me to start having lunch, there I went, with my mind cleared (and also a new bicicle to keep me company)